Dilma convoca ministros para reuniões de emergência

Danilo Macedo
Repórter da Agência Brasil

Brasília – A presidenta Dilma Rousseff convocou ministros, na manhã de hoje (2), para duas reuniões de emergência no Palácio do Planalto a fim de tratar de denúncias de espionagem dos Estados Unidos sobre ela e assessores diretos, divulgadas nesse domingo (1º) no programa Fantástico, da TV Globo.

A primeira reunião começou por volta das 10h e teve a presença dos ministros da Justiça, José Eduardo Cardozo, do Gabinete de Segurança Institucional, general José Elito, e da Secretaria-Geral, Gilberto Carvalho. A segunda, logo em seguida, teve, além de Cardozo, os ministros das Comunicações, Paulo Bernardo, da Defesa, Celso Amorim, e das Relações Exteriores, Luiz Alberto Figueiredo Machado.

Segundo a Secretaria de Comunicação da Presidência, as duas reuniões já terminaram. Nenhum dos ministros falou. Desde que as informações começaram a ser divulgadas, em junho, os ministros das Comunicações e da Justiça manifestaram preocupação com as denúncias, consideradas atos contra a liberdade dos cidadãos e a soberania nacional.

Hoje, o embaixador dos Estados Unidos no Brasil, Thomas Shannon, foi ao Itamaraty prestar esclarecimentos sobre o tema ao chanceler Figueiredo Machado. Depois da reunião, Shannon saiu sem falar com a imprensa e Figueiredo Machado foi para a reunião com Dilma e outros ministros.

Edição:  Graça Adjuto e Talita Cavalcante  

Bahia: Inscrições abertas para processo seletivo de programa de qualificação para jovens

Até 06 de setembro estão abertas as inscrições para o processo seletivo do Programa de Aprendizado Jovem (PROAJ), que busca a qualificação de jovens da rede pública de ensino. O projeto coordenado pela Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (SECTI) em parceria com SENAI-BA, visa aumentar a empregabilidade dos jovens de famílias de baixa renda, despertando vocações e potenciais talentos para a área de Tecnologia Informação e Comunicação (TIC). Ao todo são 432 vagas distribuídas igualmente nos turnos matutino, vespertino e noturno. Os interessados devem comparecer das 8h às 21h, na sede do Programa, localizada na Avenida Paulo VI, nº 554, Pituba. Mais informações podem ser obtidas através do telefone: (71) 3345-1419. As aulas iniciam em outubro.

Ao pensar em ampliar os horizontes e conquistar novas oportunidades no mercado de trabalho, Gustavo Vieira, 16 anos, estudante do 2º ano do Ensino Colégio Estadual Luiz Tarquínio, atua há cinco meses no setor de TIC. O estudante da turma piloto do PROAJ, cursou “suporte e manutenção de informática” e atualmente estagia na Justiça Federal. “O curso me propiciou uma nova visão sobre o que é tecnologia e informática. Acredito que o estudante deve se dedicar, aproveitar a oportunidade, já que a área é a que mais cresce no Brasil e no mundo”, afirma. Gustavo ainda acrescenta que, para dar continuidade aos estudos na área, pretende fazer faculdade de analista de sistemas e engenharia de telecomunicações.

A área de TIC se destaca como um enorme potencial de crescimento colaborando para o aumento da produtividade do País em diversos segmentos. A Associação Brasileira das Empresas de Software (Abes) estima que a indústria brasileira de tecnologia da informação (TI) deve ter a maior taxa de crescimento do mundo em 2013.

Depois de concluir em maio deste ano, o curso “suporte a hardware e rede” do PROAJ, Adenilton Ribeiro, 24 anos, ampliou a noção que já possuía sobre a área. Inclusive, aplicou o conhecimento adquirido nos serviços prestados pela sua empresa, Mafredine Informática, fundada em 2010. “Melhorei a qualidade, quantidade e variedade dos serviços em virtude da realização do curso”, comemora o jovem empreendedor. Ele ainda acrescenta que “a área está em expansão, já que qualquer empresa necessita de uma das áreas de TI para estar em pleno funcionamento”.

PROAJ – A expectativa é que, ao longo de quatro anos, o programa beneficie aproximadamente 10 mil alunos da rede pública de ensino em diversos municípios do estado. “Este programa visa aumentar a inserção dos jovens de baixa renda no mercado de trabalho, atender a uma demanda crescente de mão de obra qualificada, além de suprir uma carência na área de tecnologia” conclui Paulo Câmera, secretário de Ciência, Tecnologia e Informação.

Segurança bancária preocupa sindicatos

Questões como a necessidade de investimentos para a segurança nas agências, legalização de transportes de valores e a quarta posição ocupada pela Bahia entre os estados com maior índice de ataques a bancos nortearam a audiência pública, promovida pelo bancário e deputado estadual Álvaro Gomes (PCdoB), na quinta-feira (29/08), na Assembleia Legislativa da Bahia.

Para o presidente da Federação da Bahia e Sergipe, Emanoel Souza, os bancos podem ajudar as polícias Militar e Civil a prevenir as ocorrências. “As organizações financeiras poderiam ter sistemas de comunicação interligados com a polícia”, sugere Emanoel, que completou dizendo que os bancários merecem respeito.

Participaram da audiência, representantes da Secretaria Pública de Segurança, Comando Especializado Polícia Militar, de alguns bancos e presidentes de Sindicatos do interior.

SSP recebe sindicatos

Em reunião na parte da tarde, a Secretaria de Segurança Pública (SSP) do Estado prometeu estreitar a relação com os sindicatos na busca de medidas para coibir os ataques às agências bancárias. O compromisso foi firmado entre o secretário da SSP, Maurício Barbosa, o deputado estadual Álvaro Gomes e os presidentes dos sindicatos.

O secretário de segurança pública Mauricio Barbosa informou que o governo tem fechado o cerco contra as quadrilhas. Somente neste ano, 101 pessoas foram presas. Mas, para que as medidas obtenham sucesso é preciso também que os bancos tomem iniciativa e invistam efetivamente em segurança, porque o número de ataques cresce assustadoramente.

Para se ter ideia, em 2010, a Bahia registrou 60 ataques. Em 2011 pulou para 110. Um ano depois foi para 167 e neste ano já está em 124. O interior é mais carente de segurança. Até hoje foram 95 ocorrências contra 29 em Salvador.

De acordo com o deputado Álvaro Gomes, para reduzir os índices é preciso um trabalho integrado. “Governo, sindicatos e, principalmente, bancos devem agir para melhorias no sistema financeiro. Hoje, as empresas são as únicas que não contribuem com o debate”.

Representando os bancários de Itabuna e Região participaram das reuniões Jorge Barbosa, presidente do Sindicato e Ricardo Carvalho, diretor da Federação dos Bancários da Bahia e Sergipe.

Com informações boletim O Bancário

Itaipava inicia produção de cervejas em lata na Bahia

O Grupo Petrópolis, que produz a cerveja Itaipava, iniciou na última quinta, dia 29, a fabricação de cervejas em lata. Esta é a segunda etapa do processo produtivo da unidade de Alagoinhas. Antes disso, no dia 14 de agosto, a fábrica já havia começado a fabricação de cerveja em garrafas de 600 ml.

A nova planta tem um perfil de alta produtividade, sendo fabricadas 128 mil latas da cerveja Itaipava por hora, inicialmente no tamanho de 350 ml. A fábrica de Alagoinhas será responsável pela distribuição do produto do norte de Minas Gerais até o estado de Alagoas.

“As latas utilizadas são fornecidas pela Latapack Ball, também instalada na cidade. Essa é mais uma parceria que fortalece os laços locais do Grupo Petrópolis e potencializa a economia local”, enfatiza o diretor de mercado, Douglas Costa.

A empresa investe aproximadamente R$ 600 milhões para o desenvolvimento desta unidade fabril no período de 5 anos, podendo chegar até R$ 1,1 bilhão com o negócio de distribuição. Cerca de 600 empregos diretos e outros 4 mil indiretos devem ser criados com a fábrica em funcionamento.

Sobre o Grupo Petrópolis

Fundado em 1994, o Grupo Petrópolis é atualmente a segunda maior cervejaria do Brasil e a única grande empresa com capital 100% nacional do setor. Dono das marcas Crystal, Lokal, Itaipava, Black Princess, Petra e Weltenburger, do energético TNT Energy Drink, do isotônico Ironage, das vodkas Blue Spirit Unique,Blue Spirit Ice e Nordka, também é a maior companhia brasileira de bebidas. Com cinco fábricas em operação e mais uma em construção, o Grupo é responsável pela geração e manutenção de 16,7 mil empregos, entre diretos e indiretos. Além disso, patrocina atletas brasileiros profissionais e amadores e promove ações ambientais por meio do Projeto AMA.

Triste realidade

2013-08-31-23-17-51-1563767755José Nazal

Prometi a mim mesmo não tratar de assunto sério no Facebook, pois poucos dão importância. Porém, como vivemos quebrando juras, volto a um assunto que considero importante, face à situação que nosso município vive, diga-se de passagem, há um bom tempo. Atualmente vemos uma quebra-de-braço entre o governo, servidores e a sociedade civil, representada por uma corajosa parcela de uma nova geração que se forma.

Enquanto isso, todos sofremos, principalmente os mais pobres, os mais distantes, os mais desassistidos que moram no interior do município. Há aproximadamente um ano, visitando algumas escolas do distrito sede, encontrei uma situação que me tocou, na Sala Isolada do Assentamento Nova Vitória, que fica a 16 quilômetros da cidade. Uma pequena casa adaptada para escola, com uma pretensa cantina, um pretenso sanitário e uma pequena sala com lousa, estante, quatro mesas e algumas cadeiras. Ah! Cobertura de telhas de amianto. Era uma sala multisserial, ou seja, a brilhante professora conseguia, simultaneamente, dar aula aos alunos da 1ª, 2ª, 3ª e 4ª séries.

O que mais me comoveu na visita à escola foi a alegria contagiante dos alunos, buscando o saber e a melhoria da qualidade de vida no futuro. Percebi que, para mudarmos a situação que vivemos em Ilhéus, é necessário uma ampla discussão entre todos os atores (governo e sociedade) para tentarmos com seriedade mudar o que está posto. Nada sei sobre educação, porém, sempre critiquei o modelo que temos:  não conseguimos atingir a população em idade escolar, principalmente aquela mais distante, fronteiriça, o que proporciona a perda de identidade com Ilhéus, o sentimento de pertencimento. Essa situação existe e é real, além de perigosa quando se trata da manutenção da integridade territorial do município.

Logo após ter registrado essas fotos, tive a oportunidade de ter um bate-papo com alunos de uma boa escola particular da cidade e tentei mostrar para eles essa realidade, essa dicotomia que existe na formação do nosso povo. Acredito que consegui fazer com que ele percebessem o bem que estavam recebendo dos pais e dos mestres. Precisamos brigar por justiça, por igualdade de oportunidades e creio que isso começa na qualidade da educação pública.

Se ficarmos o tempo todo buscando culpados, chegaremos ao nada. Se buscarmos soluções para construção de um pacto de governança, venceremos e a cidade e seu povo verão a diferença.

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística divulgou a estimativa populacional de 2013. Crescemos pouco. Era previsto. Perdemos território e, pelo andar da carruagem, vamos perder mais.

Reúne Ilhéus… Acorda Ilhéus… Levanta Ilhéus… Sorria Ilhéus… Governa Ilhéus… Seja qual for a alcunha, a que acho melhor seria: UNE ILHÉUS!

Em texto, Organizações Globo reconhecem apoio ao golpe de 1964, mas tenta minimizar responsabilidade e justificar comportamento com base no contexto histórico

Em texto publicado após dias de protestos em frente à sede da Globo, as Organizações Globo reconheceram que apoiaram o golpe de 1964, mas classificaram apenas como um erro, não como oportunismo empresarial e político (as Organizações Globo foram uma das instituições que mais se beneficiaram na ditadura militar, obtendo concessões de telecomunicações e verbas vultosas de publicidade do Estado Brasileiro).

No texto, por diversas vezes o jornal menciona que apoiou o golpe porque acreditava que era um meio de salvar a democracia (apoiar ditadura para salvar democracia??), além de afirmar que estava convencido de que oa militares fariam apenas uma intervenção rápida e “cirúrgica” (alguém acredita nesta pretensa ingenuidade?)
Confira a íntegra da “pérola” retórica da Globo clicando em http://moglobo.globo.com/integra.asp?txtUrl=/pais/apoio-editorial-ao-golpe-de-64-foi-um-erro-9771604

A ENQUETE

Bem, já se passaram oito meses de mandato dos vereadores de Ilhéus.

O Blog resolveu fazer uma enquete avaliativa dos respectivos mandatos, que vai entrar no ar a partir de hoje à noite (31/08) ou amanhã (01/09) e que permanecerá até o dia 30/09.

A pergunta será: Quem é o melhor vereador da Câmara Municipal de Ilhéus?

Somente será admitida uma resposta por endereço de IP.

Participem.

Ex-dono da VASP foi preso em Brasília

Kelly Oliveira
Repórter da Agência Brasil

Brasília – O empresário Wagner Canhedo foi preso hoje (31) pela Polícia Civil do Distrito Federal. A prisão decorre de sentença da Justiça de Santa Catarina por sonegação fiscal.

De acordo com o delegado Sérgio Henrique de Araújo Moraes, que interinamente está no comando da Delegacia de Captura e Polícia Interestadual, Canhedo foi condenado a quatro anos, cinco meses e dez dias de prisão. O regime de prisão é semiaberto. Segundo o delegado, o empresário de 77 anos foi preso no início da manhã em casa, em Brasília. Inicialmente, ele ficará na carceragem da delegacia e depois será transferido para o Centro de Progressão Penitenciária.

Wagner Canhedo era dono da Viação Aérea São Paulo (Vasp), que teve falência decretada pela Justiça paulista em 2008. Em junho deste ano, o Superior Tribunal de Justiça (STJ)confirmou  a falência da Vasp, por considerar que não havia como continuar com o processo de recuperação judicial. Atualmente, a família Canhedo controla empresas de ônibus em Brasília.

Edição: Juliana Andrade

Qual é a sua fobia?

image

NO FIM DAS CONTAS, QUEM NÃO PRESTA SOU EU!

image

Por Júlio Gomes

Há alguns fenômenos muito interessantes ocorrendo a partir das relações estabelecidas na internet, por meio do Facebook. Dentre eles a facilidade com que podemos externar nossos posicionamentos por meio de postagens, mostrando-nos contra ou a favor de algo, dizendo o que pensamos, optando por esta ou aquela conduta social.

Em contrapartida, também recebemos das demais pessoas seu retorno sobre o que externamos, seja de apoio, repúdio, admiração ou exclusão digital, pois é um direito do outro excluir nossas postagens e até mesmo nos excluir de seu quadro de amigos virtuais, sem que disso resulte, em regra, constrangimento algum.

Pois bem. Eu que sempre assumi posições marcadamente de esquerda tais como defesa intransigente dos direitos dos trabalhadores, defesa do serviço público, políticas de inclusão, a favor das chamadas minorias sociais, tenho revisto alguns posicionamentos ideológicos.

Assim, embora continue a defender tudo o que citei acima, também defendo, hoje, o endurecimento das leis penais e a redução da maioridade penal, o direito do cidadão ter uma arma legalmente, me posiciono contra a maioria das invasões de propriedades (sobretudo privadas), contra a legalização das drogas ilícitas (maconha etc), contra a propaganda – em qualquer horário e veículo de comunicação – de drogas lícitas (cigarros, bebidas) e outras, tidas como conservadoras.

Tal fato embaralha a cabeça de muitos. Os que me conhecem de Ilhéus estranham bastante minhas posições em relação à maioridade penal e outras do gênero, que lhes soam insuportavelmente conservadoras!

Já meus ex-colegas de farda de muitos anos atrás, que desde o serviço militar prestado em 1984/1985 em nunca mais tive contato, se incomodam visivelmente com minhas manifestações esquerdistas e, para eles, comunistas, tais como as denúncias referentes às condutas racistas que persistem no Brasil e a sólida defesa da vinda de médicos estrangeiros – incluindo cubanos – para nosso país.

Esta semana, após postar algo em defesa justamente dos médicos cubanos, um ex-oficial comandante do batalhão em que servi comentou com um grosso palavrão – que não ousarei aqui reproduzir – o que tinha a dizer sobre o assunto. Dei risada, e compreendi que ele exerceu seu direito de expressão, embora de forma talvez um tanto inadequada. Mas pelo menos foi sincero!

A vida é assim. Às vezes agradamos a uns. Ao fazê-lo, com certeza, desagradamos a outros. Nesse contexto, maiorias e minorias se sentem prestigiadas ou, por vezes, agredidas naquilo que consideram seu direito.

Acho curioso. Os colegas de esquerda – embora não o digam para preservar nossa amizade – acham que me tornei um conservador empedernido. Já os ex-colegas de farda me verão como um comunista mal disfarçado, perigosamente intrometido entre eles. Ou seja, no final das contas, de todo o jeito, sou eu que não presto!

Bem, mesmo com tudo isso, me sinto bastante feliz. Sabe por quê? Porque estou de bem comigo mesmo! Externo tudo aquilo em que acredito, defendo meus ideais – sim, ainda tenho ideais! – com ardorosa convicção e, tal como meu ex-oficial comandante, sou extremamente sincero.

Só não recorro aos palavrões. Penso que, em regra, não preciso deles. Mas mantenho o mesmo ardor e a mesma paixão pela vida do soldado de infantaria de 19 anos que fui um dia. Isso é muito bom!

ulio Cezar de Oliveira Gomes
Advogado, graduado em Direito; e Professor, graduado em História, ambos pela UESC – Universidade Estadual de Santa Cruz

Para que um Hobby?

Um “hobby” é uma espécie de passatempo, uma atividade que proporciona prazer a alguém, propiciando momentos de alívio da vida atual estafante e nervosa.

Há muitos “hobbies”. Desde os mais comuns, como leitura e música, até os considerados mais excêntricos, como pular de parapente.

Particularmente, ainda procuro um que me satisfaça plenamente.

Já cuidei de bonsais. Comprei três bonsais e diversos livros sobre isso para ler. Tenho um ainda vivo de mais de cinco anos, mas não o enxergo mais como um lazer. É mais uma planta num vazinho que acabei deixando no canto para ser só regada e adubada de vez em quando. Recentemente, minha mãe pediu para que eu fizesse um bonsai para ela. E não é que consegui, de uma mudinha, colocar o bicho num vazinho e o danado “pegou”! Agora, ela insiste para que eu “arame”, para dar a forma aos galhos, mas outro “hobby” me ocupa e fico sem tempo.

Depois, tentei me divertir com eletrônica e robótica. Comprei uns kits de robótica pré-fabricados para montar, baixei uns esquemas eletrônicos da internet, tais como os de um transmissor de fm, fiz algumas placas de circuito impresso, comprei transistores, microfones de eletreto, ferros de solda e até uma microrretífica da dremel. Li vários livros sobre eletrônica e até consegui transmitir, num raio de dez metros, a minha voz via frequência de fm para um radinho adrede adquirido no camelô.

Após isso, fui futricar aeromodelismo. Arranjei um amigo daqui de Ilhéus, Jorge Botelho – exemplo de vida – que me deu muitas lições. Atualmente, estou em dívida com ele, pois, mais uma vez, troquei de hobby.

Então, encantado com o aeromodelismo, quis aprender a pilotar. Ingressei em um curso teórico de piloto privado, adquiri livros sobre aeronaves, aerodinâmica,  meteorologia, legislação aeronáutica e tome-lhe leitura…virabrequins, bequilhas, passo da hélice, zona de proteção do aeródromo, estrutura monocoque, semi-monocoque, tubular, asa alta, asa média, asa alta. Quase – quase – compro um kit de aeronave experimental para montar…

Agora, comprei uma carabina e uma pistola de pressão. São de molas metálicas, calibre 4.5, mas descobri a variedade que existe em tais armas. De calibres (4.5, 5.5, 6.0), de formas de propulsão do projétil (mola metálica, gás ram, CO2, PCP) e de marcas e modelos.

Qual o próximo hobby? Não sei. Depois de tantos, descobri mesmo que meu hobby é a satisfação da curiosidade por coisas diferentes. Satisfeita esta até certo ponto, enjôo e abandono o passatempo. Isso sem falar das coisas que gosto de colecionar. Mas outro dia eu falo sobre as minhas coleções.

Projeto de Lei que inclui Direito da Mulher no currículo escolar será analisaso pela Comissão de Educação da Câmara de Deputados

image

Texto e foto: ASCOM da Deputada Alice Portugal

A Comissão de Educação, Esporte e Cultura (CE) do Senado Federal analisa, em reunião na terça-feira (3), às 11h, pauta com 10 itens, entre eles o Projeto de Lei da Câmara (PLC) 79/2009, de autoria da deputada Alice Portugal (PCdoB-BA).

A  proposição foi apresentada à Câmara em 2007 e, após aprovação, seguiu para o Senado em 2009, onde já obteve parecer favorável da Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH).  A relatora da matéria na CE, senadora Maria do Carmo Alves (DEM-SE), apresentou voto pela rejeição de todas as 10 matérias que deverão ser votadas na próxima semana, com a recomendação de que a Comissão de Educação evite dispor sobre currículos escolares, salvo nas linhas gerais da Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB). 

Alice Portugal explica que a proposta tem o objetivo de incluir os direitos da mulher nos currículos escolares dos estabelecimentos de ensino médio, sejam eles públicos ou privados. Para ela, o conteúdo curricular deve abranger “aspectos históricos, sociológicos, econômicos, culturais e políticos que envolvam a luta da mulher pela conquista da igualdade de direitos”. 

Para  a parlamentar,  é necessário combater o  preconceito contra  a mulher desde a formação escolar. “O educador deve ser orientado para garantir  uma educação não diferenciada.  Devemos rejeitar o  credenciamento de profissão de gênero, que prega  que a mulher tem de ser enfermeira, ou professora.  Nessa visão, está implícito que à mulher cabe a condição de cuidadora, ou seja: a elas cabe uma  condição que esteja relacionada à sua atividade do lar  e não à sua própria vocação”, defende a deputada.

Vitória da Conquista – PCdoB realiza Conferência e amplia prestígio político

image

O Comitê Municipal em Vitória da Conquista realizou na noite desta sexta-feira (30) o ato de abertura da Conferência Municipal do PCdoB, lotando o auditório do Sindicato dos Bancários de militantes e apoiadores do partido, com a apresentação da síntese das teses do 13º Congresso do PCdoB.

Com uma mesa repleta de autoridades municipais e dirigentes dos partidos aliados, o deputado estadual Fabrício Falcão (PCdoB) e o jornalista José Reinaldo de Carvalho, secretário de Comunicação Nacional do PCdoB e Editor do Portal Vermelho, trataram das conquistas dos dez anos do governo Lula e Dilma e o cenário internacional.

O jornalista José Reinaldo iniciou sua fala afirmando que o Brasil vive-se um novo ciclo político e que o dever do partido é consolidá-lo para que dê resultado. Identificou como características dos governos Lula e Dilma uma postura de governos com vocação social, democrático, multilateral na política externa e ainda, de forma doutrinária, desenvolvimentista. Disse ainda que a principal característica, como elemento constitutivo dos governos, é garantir a possibilidade do povo lutar.

“Juntas, as quatro características identificadas pela tese, já justificam o apoio para reeleição deste Governo pela população”, afirmou, destacando a reforma política e a reforma dos meios de comunicação como pontos chaves para implementar mudanças. Para o comunista, é preciso pressionar, de forma democrática, para acabar com as lacunas sociais existentes.

Durante a palestra enumerou as reformas democráticas estruturais importantes para sanar a herança do Governo Lula, como as reformas política, tributária, de comunicação, agrária, e do sistema de serviços sociais, além de uma mudança na política macro econômica, ainda conservada do governo neoliberal.

O deputado estadual Fabrício Falcão (PCdoB) destacou que o partido tem sua essência na transformação, que militantes que trabalham pelo povo. Disse ainda que, na Bahia, o PCdoB tem se organizando politicamente a militância, estando presente nos 400, dos 417 município baianos. E que este partido, cada vez mais influente, tem o dever de defender as conquistas do governos de Lula e Dilma, mais lutando pelas reformas estruturais da sociedade brasileira.

O presidente Marcos Andrade, ao encerrar a Conferência, fez um breve relato dos seus sete anos na presidência, agradecendo a todos pelo empenho, que levou o PCdoB a ser o segundo maior partido de Vitória da Conquista, com mais de 22 mil votos, com forte presença institucional e social. Marcos ainda informou que a partir da conferência, vai presidir o partido o vereador Andreson Ribeiro, em função da sua condição de diretor da SECOPA, em Salvador.

Estiveram presentes o presidente da Câmara Municipal de Vitória da Conquista, vereador Fernando Vasconcelos, o secretário municipal de governo Edwaldo Alves, que representou o prefeito municipal, Guilherme Menezes; o secretário de organização do PSB, Dernival Araujo, os vereadores Florisvaldo Bittencourt (PT), Hermínio Oliveira (PDT), Álvaro Pithon (DEM), a bancada do PCdoB na Câmara composta por Nelson Vivi, Andreson Ribeiro (PCdoB), Joaquim Libarino (PCdoB), além de diversos representantes do movimento sindical, juvenil e mulheres

Efemeridades

Relato aqui uma das coisas desagradáveis que ocorrem quando o consumidor – em geral do sexo masculino – vai comprar um sapato.

O número é 44, por exemplo, mas a loja só tem 43. Depois de constatar e informar ao vendedor – vendedora – que está apertado, ele(a) sai com essa: – “Leve esse, porque ele folga depois!”

Uma dica: todas as vezes em que aquela droga de calçado apertado doer no pé do camarada, ele vai lembrar-se de quem vendeu e onde comprou, até o dia em que deixar o sapato guardado e resolver nunca mais calçá-lo.

Sendo claro: esse “papo” de que “com o tempo folga” nunca foi um bom marketing. Prefira não vender desta vez do que vender pela última vez.

Ainda sobre o Donadon

Se todos os Deputados e Deputadas resolvessem tirar a roupa na Câmara e entrar numa intensa orgia em plenário, tenho minhas dúvidas se isso conseguiria escandalizar mais do que o episódio do Natan Donadon.

A Câmara conseguiu levar o descrédito do povo com os políticos ao fundo do poço.

A próxima Sessão deveria ser no pátio da penitenciária da Papuda, para que houvesse quórum suficiente para cassar o próximo presidiário. Aposto que até o Donadon votaria.

Niilismo político

É um escárnio exigir do cidadão até multa de trânsito, se o condenado irrecorrível por peculato e formação de quadrilha é tratado por Excelência pelo agente penitenciário por continuar a ser Deputado.

O que a Câmara Federal fez foi conclamar o povo à desobediência civil.

COM CRESCIMENTO DE 4% NO SEGUNDO TRIMESTRE, PIB BAIANO SUPERA O NACIONAL

O Produto Interno Bruto (PIB) baiano teve um crescimento de 4% no segundo trimestre deste ano, em relação ao mesmo período de 2012. O índice é superior ao nacional, que segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), cresceu 3,3% em relação a ao mesmo período do ano passado.

Na comparação com os três primeiros meses deste ano, o PIB baiano no segundo trimestre cresceu 2,2%, enquanto o brasileiro aumentou 1,5%. Os números referentes à atividade econômica baiana do segundo trimestre de 2013 foram divulgados nesta sexta-feira (30), pela Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI), em coletiva no auditório da Secretaria do Planejamento (Seplan), no CAB.

De acordo com o diretor-geral da SEI, Geraldo Reis, a evolução do segundo trimestre teve uma grande influência do setor industrial, particularmente pela expansão da indústria de transformação, que registrou um crescimento de 6,5% em comparação ao mesmo período do ano passado.

Niilismo em gotas

O espírito de corpo embota a visão da realidade. Isso ocorre quando passamos a defender mais os indivíduos de nossa categoria do que a justeza das coisas.

Prefeitura de Ilhéus e sindicatos acordam sobre índice de despesas com pessoal

image

No valor de R$13.312.448,51 estão incluídos folha de pagamento, provisões de décimo terceiro e férias de professor, inativos e revisão geral anual, além da aplicação do reajuste do Piso Nacional da Educação e,excluídos, os índices de terceirização.

A Prefeitura de Ilhéus e sindicatos dos servidores acordaram que o valor da despesa de pessoal a ser computado para o cálculo do índice será de R$13.312.448,51. Nesse montante estão incluídosfatores como folha de pagamento, provisões de décimo terceiro e férias de professor, inativos e revisão geral anual, além da aplicação do reajuste do Piso Nacional da Educação. Os elementos excluídos para o cômputo foram os índices de terceirização.

O consenso ocorreu na manhã desta sexta-feira, dia 30, durante reunião entre a Comissão Permanente de Negociações da Prefeitura e representantes sindicais. Na ocasião, o governo municipal disponibilizou para os sindicatos a planilha que representa o valor acordado.

Participaram da reunião, o secretário de Administração, Ricardo Machado, e o Gerente de Recursos Humanos,Vladimir Hughes, a presidente da Associação dos Profissionais Professores de Ilhéus (APPI), Enilda Mendonça, e os representantes do Sindicato dos Servidores de Ilhéus (Sinsepi),Luiz Cláudio Machado e Jorge Jacome.

Também estavam presentes na reunião de acordo sobre o índice de pessoal, os membros dos sindicatos de Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Combate às Endemias do Sul da Bahia (Sindiacs/ACE), Roberto Machado, e dos Agentes de Trânsito do Estado da Bahia (Sindatran-Ba)Sindatran/BA, Fábio Ricardo e Ednaildo Assis. A reunião ainda contou com participação do representante do Sindicato dos Guardas Civis do Estado da Bahia (Sindguarda-BA), Pedro de Oliveira Santos.

Vamos pra casa.

Não há mais Conselhos.
Nenhum serve mais.
Cerrado o dialogar
Nas ruas (há ruas?)
O que se ouve não são falas.
São estalos das rochas
Que nos tornamos todos.
Escaldando sob o Sol
Humedecendo sob a Chuva
Nada é comunicado e tudo são encontrões.
A força bruta tomou o lugar das almas.
A Política acabou.

Tenda do TPI traz novidades na programação de setembro

image

O Amor de Clotilde. Foto: Patrícia Fernandes

A programação de setembro da Tenda do Teatro Popular de Ilhéus (TPI) contará com novidades. As atividades mensais serão abertas com o II Oficinalhaço, neste domingo (1º) das 09 às 18 horas e com entrada franca. O espaço integrará o Festival Latino-Americano de Teatro da Bahia (FilteBahia). Além das montagens dos grupos residentes, o Balé Afro Dilazenze e a Trupe Ensaia Aqui e Acolá, de Pernambuco, completam a lista de convidados. E o Cineclube Équio Reis circula por bairros de Ilhéus, todas as terças-feiras.

O II Oficinalhaço trabalhará iniciação às técnicas de palhaço, direcionadas a grupos teatrais e pessoas interessadas na linguagem. Conduzidas por Fábio Nascimento e Ed Paixão, as atividades gratuitas serão realizadas das 9 às 18 horas. A oficina servirá também como preparação para a III Palhasseata, no mês de dezembro, que terá como tema as manifestações populares.

Entre os espetáculos teatrais estão Homens ajudam homens?, do Grupo Teatro/ Circo Maktub, no dia 06 e Siré, Obá, A Festa do Rei, do Núcleo Afro-brasileiro de Teatro, no dia 08, como parte da programação do FilteBahia. No dia 17, a Trupe Ensaia Aqui e Acolá encena O Amor de Clotilde por um certo Leandro Dantas. E nos dias 26 e 27, o Teatro Popular de Ilhéus traz O Inspetor Geral. Todas as peças serão apresentadas às 20 horas.

Na área da dança, segue o projeto de intercâmbios Chamgement, organizado pelo Núcleo de Dança do TPI. Neste mês, serão duas oficinas diferentes: dança para a melhor idade e tango. Os encontros serão nos dias 21 e 28 às 17 horas. A inscrição custa R$ 10. E o Balé Afro Dilazenze apresenta o espetáculo África Brasil, nos dias 13 e 14, às 20 horas.

O Cineclube Équio Reis sai da Tenda do TPI, exibindo 15 curtas-metragens nacionais e internacionais. As projeções acontecerão sempre às terças-feiras a partir das 19 horas. O itinerário deste mês será: Nossa Senhora da Vitória, Conquista, Basílio e Avenida Itabuna. As ações contam com apoio das comunidades locais.

Entre os cursos e oficinas, a novidade é o de Mímica Corporal Dramática, ministrado por Jorge de Paula, da Trupe Ensaia Aqui e Acolá. O encontro será gratuito, voltado para pessoas maiores de 12 anos e acontecerá no dia 16, a partir das 14 horas. A Tenda do TPI segue com vagas abertas para aulas de bateria e percussão, dança afro, acrobacia em tecido, capoeira, violão e guitarra. Mais informações pelo telefone (73) 4102-0580.

Quem desejar pagar meia-entrada por um ano em todos os espetáculos da Tenda do Teatro Popular de Ilhéus e ainda ter 10% de desconto em cursos e oficinas, pode fazer o Cartão TPI. Para isso, é preciso preencher um cadastro com dados pessoais e pagar uma taxa de R$ 15.

Plano Plurianual prevê muitos investimentos para Itabuna até 2017

image

Foto: Wilson Oliveira

A Prefeitura de Itabuna, por meio da Secretaria de Planejamento e Tecnologia (Seplantec), entregou nesta sexta-feira, 30, à Mesa Diretora da Câmara de Vereadores o Plano Plurianual Participativo (PPA) do Município, que norteará os investimentos públicos nos próximos quatro anos nas áreas de Saúde, Infraestrutura Urbana, Educação, Assistência Social, Esportes, Cultura, Tecnologia e Desenvolvimento Econômico. Construído a partir das audiências públicas com a participação da comunidade, o PPA terá vigência de 2014-2017.

O secretário de Planejamento e Tecnologia, Wenceslau Júnior, ressaltou o trabalho dos técnicos da Seplantec que, em tempo hábil, conseguiram formatar o projeto. Ele enfatizou o caráter participativo na construção do PPA como fato histórico na definição de políticas públicas e investimentos a ser desenvolvidos pelo governo municipal.

“Essa participação popular nas discussões e na definição das prioridades de investimentos foi importantíssima. Através das audiências públicas, tivemos a oportunidade de ouvir quem de fato sabe das reais demandadas da comunidade. Assim, ficou claro que nem sempre a obra grandiosa que os gestores municipais planejam para determinado bairro atende os anseios dos seus moradores”, frisou.

Wenceslau destacou que a construção do Plano Plurianual Participativo – (PPA) 2014-2017 aconteceu em diversas etapas, com a realização de seminário, oficinas e audiências públicas. A expectativa da Seplantec é que até o próximo mês de dezembro o PPA já esteja aprovado pela Câmara e sancionado pelo prefeito Claudevane Leite.

Prioridades

O secretário adianta que dentre as diversas demandas registradas nas audiências públicas ficaram evidenciadas como prioridades investimentos nas áreas da Saúde, com a melhoria da estrutura física e ampliação dos serviços prestados na rede básica de atendimento; na Infraestrutura Urbana, a ampliação das redes de esgotamento sanitário e de abastecimento de água e pavimentação; na Educação, a ampliação de vagas na educação infantil e melhoria da infraestrutura escolar.

O PPA, segundo Wenceslau Junior, define ainda os investimentos que precisam ser efetivados nas áreas de Tecnologia e Desenvolvimento Econômico. “Estas são duas área também prioritárias, porque precisamos assegurar o crescimento econômico do município para as próximas décadas. Para que isto aconteça precisamos inserir Itabuna no contexto da produção de novos conhecimentos tecnológicos, inclusive atraindo investimentos externos capazes de gerar emprego e renda”, argumenta.

O titular da Seplantec disse ainda que o Plano prevê a execução de projetos para a melhoria da acessibilidade e mobilidade urbana, que resultarão na humanização da cidade e na melhoria da qualidade de vida dos itabunenes. Paralelo ao desenvolvimento do PPA, o governo municipal tem investido na regularização da situação fiscal do município junto ao governo federal visando à busca de recursos externos para concretizar o que estará previsto no Plano Plurianual para os próximos quatro anos.

“Atualmente, a arrecadação do município gira em torno de R$ 20 milhões. Somente com a folha de pagamento, são consumidos recursos da ordem de R$ 10 milhões. Isso reduz a capacidade do governo de investir recursos próprios em obras, como por exemplo, na melhoria da infraestrutura urbana onde a demanda é bastante significativa em vários bairros. Portanto, precisamos habilitar o município a receber recursos federais e, com isto, assegurar a execução do Plano Participativo Plurianual”, afirmou.

O secretário do Planejamento e Tecnologia, Wenceslau Junior, foi à Câmara de Vereadores acompanhado dos secretários de Assuntos Governamentais e Comunicação Social, Cleide Sousa Oliveira, e da Indústria, Comercio e Turismo, José Humberto Martins, e da equipe técnica da Seplantec. A entrega do PPA – Participativo 2014-2017 contou com a presença dos vereadores Valéria Moraes, José Silva, Antonio Cavalcanti e do líder do governo na Câmara, César Brandão.

Vereador Gurita desabafa pelo Facebook

Pelo Facebook, o vereador Gurita desabafou sobre o episódio de quarta-feira na Câmara, em que foi acusado de desferir um soco em um manifestante.

Confira abaixo o desabafo.

image

Gerência de Ações Regionais vai recuperar a estrada do Banco do Pedro neste final de semana

Caso o tempo fique estável, o órgão concluirá o serviço de encascalhamento dos 7 KM da estrada do distrito. Na semana passada, a prefeitura concluiu a recuperação das vias principais da Ponta da Tulha, no litoral norte.

A Gerência de Ações Regionais da Prefeitura de Ilhéus continua com a recuperação da malha viária que dá acesso aos distritos municipais. Caso o tempo fique estável, neste final de semana será realizado o serviço de encascalhamento dos sete quilômetros da estrada do Banco do Pedro. Na semana passada, foi concluída a recuperação das ruas principais da vila de Ponta da Tulha, e a colocação de cascalho em três ladeiras no acesso à Lagoa Encantada e também em pontos críticos da estrada Iguape-Aritaguá-Sambaituba.

Além disso, a Ações Regionais também fez oito poços para captação de água e criatório de peixes no assentamento São Bento, no distrito do Japu. O gerente José Victor informou ainda que fez um acordo com uma empresa que leva areia do Santo Antônio até Itabuna, para que as caçambas tragam cascalho. Essa parceria já está beneficiando a estrada Ilhéus-Couto, com a colocação de cascalho nos cerca de seis quilômetros de extensão.

José Victor Pessoa informa que localidades do litoral norte, como Juerana, Momoan e Ponta do Ramo, estão no cronograma operacional da gerência e serão também contempladas com as ações de recuperação de estradas. “A nossa intenção era atuar esta semana nessa região, mas tivemos que operar em outras áreas onde as estradas rurais se encontravam em situação bem pior. Lembramos que a demanda de pedidos é bem grande e, por isso, priorizamos os pontos mais críticos”, disse.

De acordo com o gerente de Ações Regionais, os trabalhos têm sido feitos seguindo o cronograma que prevê o atendimento permanente a todo o interior de Ilhéus, na dependência apenas da ocorrência ou não de chuvas. “Apesar das dificuldades financeiras e climáticas temos trabalhado de forma permanente, com os recursos da própria Prefeitura, para melhorar as condições de tráfego das vias do interior do município, bem como estamos recuperando as ruas das vilas e dos povoados”, explicou ele.

Pages: Prev 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 ... 41 42 43 Next
O Autor


Israel Nunes é Professor Universitário, Procurador Federal, Doutorando em Ciências Jurídicas pela Universidade Nacional de La Plata (Argentina) e autor do livro "Servidores Públicos: aspectos doutrinários, legislativos e jurisprudenciais" (Editora Nelpa, 2009).
setembro 2019
D S T Q Q S S
« jul    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  
WebTV Israel Nunes
Parceiros


fala pedagogo